[RESENHA] O desaparecimento de Josef Mengele


Boa tarde Divagadores, como tem passado? Aqui estou eu em uma segunda-feira de frio e chuva trazendo mais uma resenha para vocês, então apertem os cintos e me acompanhem para saber mais sobre este romance-verdade que reconta através de uma mistura de ficção e realidade a tragetória de Josef Mengele em sua fuga pela América do Sul.

Quando a lista de lançamentos da nossa parceira Editora Intrínseca foi lançada me lembro de ter o Wesley comentando "Olha, temos um livro pra sua quota de livros da Segunda Guerra Mundial", e bem, ele não estava errado quanto a escolha que eu iria fazer.

Ao contrário de todos os livros que eu andei lendo, fossem romances, fossem eles relatos reais, este é o primeiro livro que pego falando do pós guerra e da consequência de todo o caos que a Segunda Guerra Mundial trouxe na vida de todos.

Eu já havia lido diversos artigos falando sobre o que aconteceu com Mengele, ou pelo menos teorias sobre o que poderia ter acontecido, mas nunca tinha parado para ler um livro que falasse em detalhes sobre o que aconteceu então tudo para mim era muito novo, a começar sobre a situação da Argentina pós Segunda Guerra. Tenho que admitir que é incrível como as vezes não temos a menor ideia do que esta acontecendo em um país vizinho e como isso pode ser importante até mesmo para compreender melhor a nossa história, mas isso é conversa para outro momento. Mas vamos deixar isso de lado e falar do  livro.


De acordo com o próprio autor do livro sobre a trajetória de Mengele na América do Sul, "É provável que algumas zonas cinzentas jamais sejam esclacidas. Só a forma romanesca me permita chegar o pais perto possível da trajetória macabra do médico nazista." Muito dos livros que leio fazem examente isso e com maestria, mas não foi o que eu pude perceber na abordagem feita aqui.

O autor fez um vasto levantamento bibliografico para trabalhar e sua narrativa o tempo todo me fazia pensar que o livro nada mais era do que a bibliografia recontada a sua maneira. A narrativa é extremamente cansativa e incapaz de trazer qualquer fator surpresa que nos deixe com vontade de ler, tanto é que um livro que eu deveria ter lido em uma semana ficou rodando na minha bolsa por quase um mês.



É realmente uma pena ter um livro que tinha tudo para ser maravilho se resumindo a ser uma recontagem de fatos, ainda mais que a proposta de era ser um romance. Talvez se ele fosse apresentado de outra forma eu teria lido sem criar expectativas baseados em outros livros do gênero que já li, mas ainda assim a forma como ele foi narrado precisaria ser melhor trabalhada.

Será que um dia teremos um bom romance para contar esta história como ela merece ser contada? Vamos ter que esperar para descobrir.

Vou ficando por aqui, beijinhos e até a próxima.


Autor: Olivier Guez | Editora: Intrínseca | Páginas: 224 | Ano: 2019



Comente com o Facebook:

Nenhum comentário ♥

Postar um comentário