[ESPECIAL] Melhores Leituras de 2018 - Parte 2



Salve, salve Divagadores... Qual é a boa da vez? Estou aqui ainda tentando pegar o ritmo de 2019, mas devo admitir que está tão difícil, ainda mais com esse calor todo que não dá trégua. Vamos nessa que a vida segue? Tenho que dizer que 2018 não foi um ano tão produtivo no quesito leituras, passei por alguns problemas e cheguei a ficar quase dois meses sem ler um livro, ainda assim tenho uma quantidade considerável pra fazer este top 10. Sem mais enrolação, vem comigo conferir.


10 - Bruce Dickinson: Uma Autobiografia
Não sou o tipo de pessoa muito fã de biografias ou autobiografias, mas quando vi que era o Bruce Dickinson a vontade de ler me veio na hora. Foi muito bom ler a história deste ícone da minha adolescência contado pelo seu ponto de vista e com uma narrativa que me fazia viajar no tempo e no espaço onde ele foi direto aos pontos da sua vida que eram mais interessantes para qualquer fã.


09 - O Guardião de Memórias
Sabe aquele livro que você vê muita gente falando que largou porque no começo a narrativa é muito arrastada? Sabe aquele livro que você insiste em continuar a ler mesmo não gostando? É desse tipo de livro que estamos falando. No princípio eu achei que estava lidando com uma  bela porcaria, mas com o passar das páginas eu fui me encantando cada vez mais e por diversas vezes me vi completamente presa em sua história e torcendo pelos personagens e pelo futuro que a trama viria a oferecer.


08 - Bridget Jones - Louca pelo garoto
Bridget Jones foi outro grande ícone da minha adolescência e fiquei super feliz ao saber que um novo livro dela havia sido lançado. Ok, esse livro é de 2013, mas eu andava na pendura e evitando comprar livros então ele foi passando batido até que entrei em um sebo no ano passado e o compre. Foi simplesmente maravilhoso reencontrar uma personagem que tanto amo e ver que ela praticamente continuava a mesma coisa, apenas com alguns aninhos a mais. Como sempre sua história foi extremamente motivadora.


07 - O Desaparecimento de Stephanie Mailer
O primeiro livro escolhido para o Intrínsecos não saiu da zona de conforto da editora e foi uma escolha sensacional. Devo confessar que esta foi mais uma trama que não me prendeu de imediato, gosto de livros com pontos narrativos em mais de um ponto de vista, no entanto a quantidade de histórias e personagens aos poucos foi me deixando confusa e só quase na metade do livro parei de perder. Isso não muda o fato que a história é muito boa, a trama muito bem montada e que adorei a sensação de não fazer a menor ideia de quem era o verdadeiro assassino da trama. Sério, saber desde o começo quem está por trás de algo me irrita. Para quem não conseguiu comprar o livro dentro do Intrínsecos ele está na lista de lançamentos de janeiro da editora e vale muito a pena ler.

06 - Ainda Sou Eu
Lógico que a minha lista de livros não estaria completa sem algo da linda, maravilhosa, cheirosa e gostosa Jojo... Confesso que em 2017 quando soube que um novo livro contando a história da Louisa seria lançado eu fiquei um pouco receosa, afinal de contas Depois de Você já havia dando a conta do recado quanto a história dela, não é mesmo? Mentira. Jojo conseguiu criar uma história que deu um desfecho ainda melhor para nossa amada Louisa e que de brinde mostrou a grande fibra e amadurecimento de uma personagem que tanto amamos. Louisa com certeza vai deixar muitas saudades agora.

05 - Os Prós e os Contras de Nunca Esquecer
Mais um livro que eu recebi pela minha assinatura do Intrínsecos e mais um livro que foi um baita acerto da editora. A história foi extremamente encantadora e eu consegui criar um laço afetivo muito forte com cada um dos personagens em sua busca individual. Sem dúvidas é mais um livro que vale muito a pena fazer parte da sua coleção e se você perdeu ele na assinatura do clube não se preocupe, ele está na lista de lançamentos de fevereiro da editora. Em breve eu trarei a resenha pra vocês, aguardem.


Se tem um autor que também nunca falta na minha lista de favoritos, esse autor é o Neil Gaiman. Sério, pra ele não aparecer aqui só se eu não tiver realmente lido nada dele. Deuses Americanos já tinha se tornado um dos meus livros favoritos do autor, o que dizer dessa versão linda em Grafic Novel? O trabalho está simplesmente impecável e ficou tão maravilhoso que me senti como se estivesse lendo a história pela primeira vez.




03 - Um Banquete Para Hitler
Seguindo a minha linha de amor por livros falando da Segunda Guerra Mundial vem esse livro, que ainda estou devendo aquela resenha. O diferencial deste livro para todos os romances que li com a mesma linha é que desta vez a protagonista é uma pessoa bem próxima a Hitler e chega a ter uma interação muito forte dom o Füher, o que deixa a trama muito, mas muito interessante e cheia de momentos em que você fica "é agora".



02 - Mulheres Sem Nome
Seguindo a linha de mais um romance falando sobre a Segunda Guerra Mundial, mas narrado do ponto de vista de três pessoas diferentes, que viveram três lados diferentes dentro de uma mesma guerra. Emoção é a palavra que define perfeitamente bem esse livro com uma história tão bem escrita e que costura a vida das personagens de uma forma impecável. É realmente lindo de se ver a luta de três mulheres com personalidades e ideais tão distintos e tão fortes a sua maneira.



01 - A Guerra Não Tem Rosto De Mulher
E não é que meu o topo da minha lista foi feito de livros basicamente com o mesmo tema? A diferença aqui é que este livro não é um romance, mas uma coletânea de relatos de mulheres que lutaram no front. Eu não tenho palavras para descrever a emoção de ler um livro como esses, afinal de contas, quando se fala de guerra o que mais vemos por ai é o ponto de vista masculino onde estar lutando pela pátria é motivo de honra e glória, enquanto para mulheres a vergonha é o que sobra depois que a batalha acaba. Perdi as contas de quantas vezes me peguei chorando de emoção ao ler o relato de cada uma das meninas que lutaram corajosamente pelos seus ideias em condições precárias e ainda por cima sofrendo com um enorme preconceito que as segue até os dias de hoje. Pretendo trazer a resenha deste livro e alguns trechos que me emocionaram em breve para que todos vocês possam conferir.

É isso aí galerinha, essas foram as minhas leituras favoritas de 2018. Eu realmente espero que este ano minha vida entre nos trilhos e com isso eu possa ler muito mais livros para trazer aqui pra vocês. Estou um pouco atrasada, mas desejo a todos um feliz 2019 repleto de leituras maravilhosas. 


Vou ficando por aqui, beijinhos e até a próxima. 

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário ♥

Postar um comentário