[RESENHA] Caixa de Pássaros

Autor: Josh Malerman
Editora: Intrínseca
Páginas: 272
Ano: 2015
Classificação: 5/5
Romance de estreia de Josh Malerman, Caixa de pássaros é um thriller psicológico tenso e aterrorizante, que explora a essência do medo. Uma história que vai deixar o leitor completamente sem fôlego mesmo depois de terminar de ler.

Basta uma olhadela para desencadear um impulso violento e incontrolável que acabará em suicídio. Ninguém é imune e ninguém sabe o que provoca essa reação nas pessoas. Cinco anos depois do surto ter começado, restaram poucos sobreviventes, entre eles Malorie e dois filhos pequenos. Ela sonha em fugir para um local onde a família possa ficar em segurança, mas a viagem que tem pela frente é assustadora: uma decisão errada e eles morrerão.

 Boa tarde Divagadores, demorei, mas olha eu aqui outra vez e para falar de um livro que eu já li há um tempinho... Melhor dizendo, um tempão vai, mas acho que isso é o de menos, já faz tempo que quero vir falar com vocês sobre esta leitura. Vamos parar com as delongas e vamos ao que interessa.

Antes de falar sobre o livro em si quero fazer um comentário muito pessoal. Eu sempre falei que se algum tipo de acidente acontecesse comigo e eu perdesse alguma coisa com isso a única coisa que eu não saberia administrar era se eu perdesse a visão. Quando peguei este livro emprestado e li a sinopse já imaginei que estes thriller psicológico ia ser muito perturbador para mim e realmente foi.


Imagine um cenário onde para sobreviver você precisa viver as cegas? Bem, este é o cenário desenvolvido para este livro. De uma hora para a outra as pessoas passam a ter que ficar trancadas em suas casas e fugindo de algo que não tem a mínima noção do que possa vir a ser, sempre se mantendo com medo de ver tal criatura e acabar caindo na loucura. Com isso desconhecidos acabam se aproximando em busca de encontrar uma maneira de sobreviver e a cada página que eu lia ficava me questionando se este seria um cenário que se tornaria realidade um dia.

Este é apenas um dos focos narrativos do livro que tem capítulos narrados no passado e explicando como a sociedade entrou em colapso e capítulos no presente, que mostram a protagonista Malorie e dois filhos pequenos e seus dois filhos pequenos em uma jornada as cegas para encontrar um lugar melhor para viver.


Nem preciso dizer que os capítulos que tratam do presente onde Malorie esta completamente as cegas enquanto sai em sua jornada foram os que mais abalaram meu psicológico. O lado bom é que o livro foi tão bem escrito que apesar de trazer sensações que abalam nossa mente ele não nos faz perder a vontade de ler. Ao mesmo tempo que ficamos apavorados sentimos a necessidade de saber o que vai acontecer e claro, de saber o que aconteceu para que os personagens tenham chegado ao ponto que chegaram. Se você gosta de leituras que mecham com sua mente este livro é um prato cheio para que se veja preso na trama e praticamente roendo as unhas de ansiedade.

Eu demorei tanto para fazer uma resenha sobre este livro que trago ela juntamente com uma novidade. No dia 19 deste mês a Intrínseca publicou em seu blog uma nota dizendo que o Netflix adquiriu os direitos cinematográficos do livro e não bastasse isso Sandra Bullock já esta confirmada para o elenco. Sinceramente só de pensar nisso o meu coraçãozinho da pulinhos de ansiedade, mas agora só nos resta esperar por mais notícias sobre esta produção.

Vou ficando por aqui Divagadores, até a próxima.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário ♥

Postar um comentário